30/09/2016

Mangueirinha conquista nos pênaltys o Codoense de Futsal 2016

Na noite de ontem, quinta, 29/09, foi realizada a a grande final do Codoense de Futsal Masculino, no ginásio Carlos Fernando, entre Mangueirinha e Hollanda/Vereda.

Mangueirinha: repete o título de 2014
Mangueirinha que foi o campeão codoense 2014, vinha de  uma semifinal emocionante contra o Bahia, quando perdia por 5x2 e parecia que a eliminação estava garantida, porém concentrou-se no jogo e aproveitando os desentendimentos dos atletas do Bahia com a arbitragem e com seus próprios colegas, foi fazendo um gol atrás do outro e conseguiu uma espetacular virada de 9x6, 



Já o Hollanda/Vereda, enfrentou na semifinal o Vereda/Guarani. As equipes já haviam se enfrentado e empatado na primeira fase, mostrando um certo equilíbrio entre elas, porém na semifinal o Hollanda/Vereda aproveitou-se da maior experiência de seus atletas e conquistou a vaga para a final, vencendo por 2x0.

Na preliminar houve, às 19 horas, um amistoso de futsal feminino entre as equipes F10 Sports e CR7, que serviu de testes para as  duas equipes que disputarão o Campeonato Codoense, a partir de outubro. O jogo foi equilibrado e terminou com empate de 2 a 2.

A FINAL
Antes do jogo: capitães e árbitros

A grande final estava prevista para às 20 horas, porém, devido às constantes quedas de energia, iniciou às 21:15 horas.

O Hollanda/Vereda contava com a base coroataense que foi campeã pelo Mangueirinha em 2014, enquanto o Mangueirinha levou para a quadra a experiência de equipe mais tradicional do futsal codoense.

O jogo iniciou com o Hollanda/Vereda mostrando mais coletividade, tanto para atacar quanto para defender, enquanto o Mangueirinha se utilizava do melhor preparo físico e da individualidade de seus atletas. Desta forma, o jogo transcorreu na base de muita vontade e raça das duas equipes, enquanto na arquibancada a torcida do Mangueirinha, formada por parentes dos atletas e grandes ex-atletas empurrava a equipe na base dos gritos de incentivos, terminando o jogo em 2x2.
Atletas, ex-atletas e torcedores do Mangueirinha comemorando o título

Na decisão por pênaltys brilhou a estrela do ex-goleiro do futsal infantil e infanto do início dos anos 2000, da Escola Pequeno Polegar, Rafael, que passou todo o jogo no banco como atleta de linha e entrou para pegar o pênalty decisivo do grande goleiro Tita. Ficando o Mangueirinha com o título de campeão, com o resultado de 4x3, nas penalidades máximas.


A COMFUC estipulou a inscrição de cada equipe no valor de 395 reais e com a seguinte premiação:

- campeão: dois mil reais
- vice: mil reais
- artilheiro: cinquenta reais
- goleiro menos vazado: cinquenta reais

O time da Engemar, de forma inédita, surpreendeu as equipes mais experientes e conquistou o título em 2015.

Aproveito a oportunidade e sugiro ao próximo Prefeito que, nomeie um Secretário de Desportos que goste de esportes, que olhe para todos os esportes, e que, principalmente, apóie e invista no esporte local, caso contrário, só teremos outro campeonato de futsal, daqui há um ano, quando a COMFUC realizar o Campeonato Codoense 2017.

Fredson Ricardo - CREF 217/g-PI

28/09/2016

Mangueirinha e Hollanda/Vereda farão a final do codoense de futsal 2016

Na noite de amanhã, quinta, 29/09, será realizada a a grande final do Codoense de Futsal Masculino, no ginásio Carlos Fernando, entre Mangueirinha e Hollanda/Vereda.

Mangueirinha: tenta repetir o título de 2014
Mangueirinha que foi o campeão codoense 2014, vem de  uma semifinal emocionnte contra o Bahia, quando perdia por 5x2 e parecia que a eliminação estava garantida, porém o Mangueirinha concentrou-se no jogo e aproveitando os desentendimentos dos atletas do Bahia com a arbitragem e com seus próprios colegas, foi fazendo um gol atrás do outro e conseguiu uma espetacular virada de 9x6, conquistando a vaga na final para tentar repetir o título de 2014.


Hollanda/Vereda tenta seu primeiro título

O Hollanda/Vereda, enfrentou na semifinal o Vereda/Guarani. As equipes já haviam se enfrentado e empatado na primeira fase, mostrando um certo equilíbrio entre elas, porém na ssemifinal o Hollanda/Vereda aproveitou-se da maior experiência de seus atletas e conquistou a vaga para a final, vencendo por 2x0.

Na preliminar que acontecerá, às 19 horas, acontecerá um amistoso de futsal feminino entre as equipes F10 Sports e CR7.

Recém campeão da Copa UFMA, F10 fará preliminar do Codoense Masculino

A final será às 20 horas, e promete ser muito disputada, pois o Hollanda/Vereda conta com a base coroataense que foi campeã pelo Mangueirinha em 2014, enquanto o Mangueirinha leva para a quadra a experiência de equipe mais tradicional do futsal codoense.



A COMFUC estipulou a inscrição de cada equipe no valor de 395 reais e com a seguinte premiação:

- campeão: dois mil reais
- vice: mil reais
- artilheiro: cinquenta reais
- goleiro menos vazado: cinquenta reais

O time da Engemar, de forma inédita, surpreendeu as equipes mais experientes e conquistou o título em 2015.

Fredson Ricardo - CREF 217/g-PI

24/09/2016

F10 Sports, Corinthians e Engemar são os campeões da Copa UFMA de Futsal 2016

Final feminina: F10 Sports 2x1 Primavera
A Copa UFMA de Futsal que iniciou no dia 27/08, na quadra coberta da Universidade Federal do Maranhão, Campus Codó, teve suas finais hoje, 24/09, quando foram realizados o encerramento e a premiação das equipes campeãs.

O evento foi realizado por alunos formandos do Curso de Licenciatura em Ciência Naturais/Biologia da UFMA e disputado em três categorias:

Cada equipe pagou uma taxa de inscrição de 150 reais, sendo que os campeões receberam uma placa e 300 reais e os vices uma placa e 150 reais.


A arbitragem ficou a cargo da base codoense da FEFUSMA (Federação de Futsal do Maranhão).

Os campeões e vices de cada categoria e os melhores jogadores de cada final foram:

Adulto Feminino
F10 Sports
Campeão: F10 Sports
Vice: Primavera 
Melhor jogadora: Nathália (F10 Sports)



Sub 17 Masculino
Corinthians
Campeão: Corinthians
Vice: Bocaiúva 
Melhor jogador: Francisco (Corinthians)



Sub 20 Masculino
Engemar
Campeão: Engemar
Vice: B.S.F
Melhor jogador: Jeferson (Engemar)


Os jogos foram realizados nos dias: 27/08, 03/09, 07/09, 10/09 e 25/09. 

Fredson Ricardo - CREF 217/g-PI

B-11 goleia o Primavera e sagra-se bicampeão da Copa Vereda de Futsal Feminino 2016

B-11 recebendo o troféu de campeão e a premiação de 600 reais pelo título
As semifinais da IV Copa Vereda de Futsal Feminino, aconteceram na noite de ontem, sexta (23), quando o Primavera venceu de virada o Esporte Vitória por 4x1, e na manhã de hoje (24), com a vitória do B-11 por 3x2 sobre o River.

A aguardada final foi realizada às 17 horas de hoje (24). Parecia ser um jogo bem disputado, pois até os 10 primeiros minutos do primeiro tempo, a equipe do Primavera atacava mais, enquanto o B-11 se defendia saindo ocasionamente no contra-ataque. Porém na segunda metade do primeiro tempo o B-11 marcou quatro gols rapidamente em um intervalo de cinco minutos. O jogo terminou com o B-11 sagrando-se campeão com a goleada por 6x1.

A comissão organizadora premiou com troféu e 600 reais a equipe campeã, enquanto a vice recebeu troféu e 400 reais.


Arbitragem FEFUSMA Codó
O evento foi realizado pela Associação dos Moradores do Conjunto Cohab, e teve como organizadora a desportista Dona Cleide. A arbitragem foi executada pela base de árbitros codoenses da FEFUSMA (Federação Maranhense de Futsal).

A Copa Vereda foi realizada no período de 02 a 24/09, com oito equipes, no sistema de todas contra todas, classificando-se as quatro primeiras para as semifinais.

Veja abaixo as características das equipes participantes:

- B-11: Campeã da III Copa Vereda na última semana de 2015 (leia a matéria --> B-11 é o campeão da III Copa Vereda 2015 ) Vice-campeã codoense em 2014, Campeão da Copa Olympus 2015, figura como grande favorita ao título. Tem um elenco com uma boa base codoense de ex-alunas-atletas do Colégio Olympus e outra base também de atletas que estudam em Caxias, Teresina e São Luís. Técnico: Betinho.

- Primavera: Equipe mais tradicional do futsal codoense, vice campeã codoense em 2015, sempre é candidata ao título. Técnico: Batista

- MEC: Vice-campeã da Copa Vereda em 2014,  continua com o mesmo elenco, com garotas habilidosas e bem preparadas fisicamente. Busca seu primeiro título: Técnico: Nenzão.

- CR7: Mais jovem equipe do futsal codoense, tem em seu plantel atletas infanto do Renê Bayma e Polegar. Técnico: Cristiano.

- F10 Sports: Equipe que surgiu em 2006 com o objetivo de dar experiência às alunas-atletas infantis e de continuidade às alunas-atletas que terminaram o Ensino Médio do futsal do Colégio Olympus, passou um ano e meio inativa e volta com o seu objetivo inicial. Foi campeã da Copa Vereda em 2014. Técnico: Fredson.

- Esporte Vitória: Jovem equipe que nos dois anos anteriores não obteve bons resultados, porém em 2015 e 2016, com um processo de renovação, vem conseguindo excelentes resultados em jogos amistosos. Técnico: Paulo.

- River: Equipe muito bem treinada em 2014 pelo professor James, com o nome de Bayer, em 2015 mudou de nome e treinador e continua forte. Atual campeã codoense. (leia a matéria --> River é o campeão codoense 2015 ). Técnico: Lucas.

- Cristo Rei: Juntamente com o CR7 é a caçula da competição. Técnico: Coqueiro.


As edições anteriores da Copa Vereda tiveram os seguintes campeões:

- 2013
Campeã: Estouradonas Olympus (leia a matéria) --> campeã da Copa Vereda 2013
Vice: Tiradentes
3º lugar: Olympus

- 2014
Campeão: F10 Sports (leia a matéria) --> campeão da Copa Vereda 2014
Vice: MEC
3º lugar: Cruzeiro

- 2015
Campeão: B-11 (leia a matéria) --> campeão da Copa Vereda 2015
Vice: River 

Fredson Ricardo - CREF 217/g-PI

23/09/2016

Codoense Héllen Shayane, conquista prata nos Jogos Escolares da Juventude 2016

Vanderlei Cordeiro de Lima, Héllen Shayane e Arcelino Martins
A atleta codoense Héllen Shayane, que defende as cores do Colégio Batista de Codó e é treinada pelo Professor de Educação Física, Arcelino Martins, conquistou hoje, 23/09, a medalha de prata nos Jogos Escolares da Juventude 2016, em João Pessoa-PB, no salto em altura, com o salto de 1,55 metros.
Shayane, juntamente com toda a delegação do Colégio Batista, já tinha obtido excelentes resultados nos Jogos Escolares Maranhenses 2016.
Arcelino, muito feliz pela conquista da medalha de prata de Shayane, aproveitou para desabafar: "Temos a segunda melhor saltadora em altura infantil do Brasil. Mesmo não tendo a atenção devida dos gestores esportivos de Codó, pois no período de preparação, tivemos que treinar no Estado Renê Bayma, pegando boladas de peladeiros e até mesmo tendo treinamentos cancelados por causa das constantes peladas. Agora pergunto, quantas medalhas a nível nacional o futebol está dando para os codoenses?".
Antes  da conquista da medalha de prata, Héllen Shayane e toda delegação maranhense participaram ao lado de milhares de atletas e estudantes de todo o Brasil, da cerimônia oficial de abertura da etapa infantil (12 a 14 anos) dos Jogos Escolares da Juventude 2016, realizada na noite de terça-feira (20), no Ginásio da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), em João Pessoa/PB.
Professor Arcelino e parte da seleção maranhense de atletismo infantil 2016
O mestre de cerimônias, o judoca Flávio Canto, medalhista nas Olimpíadas de Atenas, iniciou a festa saudando os jovens atletas de todo país e da delegação da argentina. Em seu discurso, disse que uma das coisas mais valiosas da sua carreira foi a oportunidade de conhecer, graças ao esporte, centenas de pessoas e diferentes lugares em todo o mundo.
A festa seguiu com a apresentação do Grupo de danças folclóricas da Paraíba – SESC, que apresentou-se para o ginásio lotado e apresentou um pouco da cultura local ao som de Clássicos da música nordestina e também do Hino da Paraíba. O desfile dos atletas foi precedido pela execução do Hino Nacional brasileiro, na voz da cantora Amanda Lyra, que vai, inclusive, disputar os Jogos como atleta do handebol pela Paraíba. Os alunos e árbitros fizeram seu juramento.
Para a aluna-atleta Margarida Luiza de Sousa Pereira Costa, da Delegação do Maranhão, participar da abertura dos Jogos Escolares da Juventude foi experiência inesquecível. “É a primeira vez que participo e estou gostando dessa nova experiência. Esse momento ficará para sempre registrado na minha carreira de atleta”, contou Margarida.
Em seguida, as luzes foram apagadas e foram anunciados os atletas que, em revezamento, levaram a tocha até a Pira. A judoca Sarah Menezes foi a primeira a carregar a tocha dos Jogos Escolares da Juventude. Seguida por Zé Marco, medalha de prata nos Jogos Olímpicos Sydney 2000 no vôlei de praia e Angélica Kvieczynski, ganhadora de seis medalhas em Jogos Pan-americanos.
Ainda na cerimônia, a tocha foi conduzida por Daniel Paiola, também medalhista em Pan-americanos; Laís Nunes, prata nos Jogos Sul-Americanos Santiago 2014 e Matheus Santana, ouro nos Jogos Olímpicos da Juventude Nanquim 2014. O revezamento da tocha terminou com o campeão Vanderlei Cordeiro de Lima, medalha de bronze na maratona dos Jogos Olímpicos Atenas 2004, único atleta brasileiro a receber a medalha Pierre de Coubertain, que acendeu a pira dos Jogos Escolares da Juventude João Pessoa 2016.
“A abertura foi muito criativa. Cada detalhe dessa celebração nos encheu de emoção. O convívio com os atletas medalhistas foi inspirador. Para nós, representantes da Delegação do Maranhão, este momento tão especial serviu de motivação para mantermos o foco e alcançar as metas que estabelecemos para esta competição”, disse emocionada a maranhense Mayara Luiza Menezes da Silva, atleta do judô.
Estiveram presentes na cerimônia, entre diversas autoridades federais, estaduais e municipais, o Diretor Geral dos Jogos Escolares da Juventude, Edgar Hubner; a Vice-Governadora do Estado da Paraíba, Ligia Feliciano; e o Ministro do Esporte, Leonardo Picciani, que declarou abertos os Jogos Escolares da Juventude 2016 e desejou boa sorte aos futuros campeões do esporte brasileiro.
Fredson Ricardo - CREF 217/g-PI
Fonte: Sedel Maranhão

Copa UFMA de Futsal 2016 terá suas finais amanhã

F10 Sports fará a final contra a experiente e favorita equipe do Primavera
A Copa UFMA de Futsal que iniciou no dia 27/08, na quadra coberta da Universidade Federal do Maranhão, Campus Codó, terá suas finais amanhã, 24/09, quando serão realizados o encerramento e a premiação das equipes campeãs.

Os finalistas são:

Sub 17 Masculino
- 09:00 horas: Bocaiúva x Corinthians

Adulto Feminino
- 10:00 horas: F10 Sports x Primavera

Sub 20 Masculino
- 11:00 horas: Engemar x B.S.F

Encerramento e premiações
- 12:00 horas

O evento está sendo realizado por alunos formandos do Curso de Licenciatura em Ciência Naturais/Biologia da UFMA e disputado em três categorias:

Cada equipe pagou uma taxa de inscrição de 150 reais, sendo que o campeão receberá 300 reais e o vice 150.

Os jogos foram realizados nos dias: 27/08, 03/09, 07/09 e 10/09. Para as finais foram classificados os primeiros colocados de cada grupo.


Fredson Ricardo - CREF 217/g-PI

22/09/2016

Moreira, o "Codó" disputará o Norte/Nordeste de Atletismo em Fortaleza

José Carlos Moreira, o "Codó"
Dois dos principais velocistas do País confirmaram participação no 40º Troféu Norte-Nordeste Caixa Adulto de Atletismo “Professor Manoel Trajano”, que será disputado de sexta-feira (23) a domingo (25), no Estádio da Universidade de Fortaleza (UNIFOR), na capital do Ceará. Bruno Lins e José Carlos Moreira, o Codó, que representaram o Brasil nos Jogos Rio 2016, competirão pela delegação do Piauí.
Eles estão automaticamente inscritos pelo ranking regional e tiveram participação confirmada pela Federação de Atletismo do Piauí (PAPI). O terceiro atleta inscrito nas provas de velocidade do Estado, Rodrigo Pereira do Nascimento, não participará do evento, porque representará o Brasil no Campeonato Sul-Americano Sub-23 em Lima, no Peru, também neste fim de semana.
A competição reunirá atletas das Federações do Acre, Amazonas, Alagoas, Rio Grande do Norte, Pará, Paraíba, Pernambuco, Maranhão, Bahia, Piauí, Sergipe, Rondônia, Roraima, Tocantins, Amapá e Ceará. As Federações da Região Centro-Oeste (Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Goiás e Distrito Federal) também podem participar como convidadas.
A competição será aberta às 15:30 de sexta-feira, com a disputa das provas finais masculina e feminina dos 20.000 m marcha. A confirmação final dos atletas será feita no Congresso Técnico do evento, na sexta, às 14 horas, na Sala EA1, junto ao Estádio da UNIFOR, que fica na Avenida Washington Soares, 1321.
O 40º Troféu Norte-Nordeste Adulto de Atletismo “Professor Manoel Trajano” é uma realização da CBAt e da Federação Cearense de Atletismo e tem patrocínio da Caixa Econômica Federal.
Fonte: Blog do Bezerra

Mangueirinha e Hollanda/Vereda farão a grande final do Codoense de Futsal Masculino 2016

Mangueirinha
Na noite de ontem, 21/09, foram realizadas as semifinais do Codoense de Futsal Masculino, no ginásio Carlos Fernando.

Às 19:30 horas, o Bahia começou goleando por 5x2 o Mangueirinha que foi o campeão codoense 2014. Parecia que a classificação estava garantida, porém o Mangueirinha concentrou-se no jogo e aproveitando os desentendimentos dos atletas do Bahia com a arbitragem e com seus próprios colegas, foi fazendo um gol atrás do outro e conseguiu uma espetacular virda de 9x6, conquistando a vaga  para a final pra tentar repetir o título de 2014.

Hollanda/Vereda

Às 20:30 horas, aconteceu o clássico da Cohab entre as equipes do Vereda/Guarani e Hollanda/Vereda, As equipes já haviam se enfrentado e empatado na primeira fase, mostrando um certo equilíbrio entre elas, porém na noite de ontem o Hollanda/Vereda aproveitou-se da maior experiência de seus atletas e conquistou a vaga para a fianl, vencendo por 2x0.

A final promete ser muito disputada, pois o Hollanda/Vereda conta com a base coroataense que foi campeã pelo Mangueirinha em 2014, enquanto o Mangueirinha leva para a quadra a experiência de equipe mais tradicional do futsal codoense.

A comissão organizadora confirmou a data da final, para quinta, 29/09 às 19:30 horas.


A COMFUC estipulou a inscrição de cada equipe no valor de 395 reais e com a seguinte premiação:

- campeão: dois mil reais
- vice: mil reais
- artilheiro: cinquenta reais
- goleiro menos vazado: cinquenta reais

O time da Engemar, de forma inédita, surpreendeu as equipes mais experientes e conquistou o título em 2015.

Fredson Ricardo - CREF 217/g-PI

21/09/2016

Etapa da Região dos Cocais do Campeonato Maranhense de Handebol foi um sucesso

Encerramento e premiação
De 16 a 18/09, foi relizado no ginásio Carlos Fernando, em Codó,  a Etapa dos Cocais, do Campeonato Maranhenses de Handebol.

A competição foi divida em 3 categorias: infantil (12 a 14 anos), infanto (15 a 17) e adulto (a partir dos 19 anos),  tanto no feminino quanto no masculino.

Veja abaixo como ficou a classificação final.

Técnicos

Infantil Feminino:

-  campeão GHB/Batista Codó

Infantil Masculino:

campeão: Hollanda/GHC/Maurício de Nassau

vice: GHB/Batista Codó

Infanto Feminino:

- campeão: Codó/Handball/Atlef IFMA

- vice: União Hand/Olympus

Infanto Masculino:

- campeão: Hollanda/GHC/Maurício de Nassau

- vice: GHB/Batista Codó

- terceiro luugar: C.E Eugênio Barros

Adulto Feminino:

- campeão: Galáticos/Sparta

- vice: Hollanda/GHC/Maurício de Nassau

- terceiro lugar: Codó Hanebol/Atlef IFMA

Adulto Masculino:

- campeão: Hollanda/GHC/Maurício de Nassau

- vice: GHB/Batista Codó

- terceiro: Galáticos/Sparta

- quarto: Cristo Rei

- quinto: Atlef/IFMA

O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Esporte e Lazer (Sedel), garante apoio ao Campeonato Maranhense de Handebol 2016. A competição acontece nas regionais de Imperatriz, São Luís, Santa Inês e Codó, com disputas até dezembro. A promoção é da Federação Maranhense de Handebol, com o incentivo da Companhia Energética do Maranhão (Cemar), por meio da Lei Estadual de Incentivo ao Esporte.

“Com o apoio do Governo do Estado, o Campeonato Maranhense de Handebol deste ano conta com o maior número de equipes inscritas. Outra novidade desta edição é a sua realização em outros três municípios, além de São Luís, como forma de ampliar o acesso ao esporte e descobrir talentos em outras regiões do estado”, destacou Nilson Pinto, diretor da competição.

O torneio também tem caráter solidário. No ato da inscrição, cada equipe precisa levar 3 quilos de alimentos não perecíveis por atleta. Na primeira edição do torneio, em Imperatriz, no último fim de semana, foram arrecadados 870 quilos de alimentos doados ao Lar São Francisco de Assis e à Casa de Apoio Solar que ajuda no tratamento de pessoas com câncer.

O Campeonato Maranhense de Handebol tem o patrocínio do Governo do Estado do Maranhão e da Companhia Energética do Maranhão (Cemar), por meio da Lei Estadual de Incentivo ao Esporte.

NOVO FORMATO

Em novo formato, a edição 2016 do Campeonato Maranhense de Handebol conta agora com maior número de equipes e tem o objetivo de levar o torneio para outros municípios do Estado. Para isso, a competição foi dividida em 4 regionais: Imperatriz, São Luís, Santa Inez e Codó.

As disputas em cada regional terão dois turnos e se classificam as duas melhores equipes das 3 categorias (infanto, infantil e adulto), tanto no feminino quanto no masculino.

A primeira etapa foi realizada em Imperatriz, em seguida e paralela a etapa de São Luís, no período de 9 a 11 de setembro, foi realizada a regional de Santa Inês.

Fredson Ricardo - CREF 217/g-PI
Fonte: Federação Maranhense de Handebol

20/09/2016

Codoense de Futsal Masculino 2016 terá clássico do Vereda nas semifinais

Vereda Guarani tenta chegar à sua primeira final
Amanhã, 21/09, começarão as semifinais do Codoense de Futsal Masculino, no ginásio Carlos Fernando.

Às 19:30 horas, o Bahia enfrentará o Mangueirinha que foi o campeão codoense 2014.

Às 20:30 horas, haverá o clássico da Cohab entre as equipes do Vereda/Guarani e Hollanda/Vereda.

O clássico entre as equipes do Vereda, deverá lotar o ginásio Carlos Fernando, pois trata-se da torcida mais fanática de Codó. Em anos anteriores, quanto tinha apenas um representante, lotava o Deolindo Rodrigues, levando faixas, tambores e muita criatividade. Agora, com duas equipes, mostratá tudo isso e mais a sadia rivalidade existente entre os dois times. O certo é que, o Vereda terá um representante na final do Codoense 2016.

Hollanda Vereda aposta na base de Coroatá para chegar à final do codoense 2016

A COMFUC estipulou a inscrição de cada equipe no valor de 395 reais e com a seguinte premiação:

- campeão: dois mil reais
- vice: mil reais
- artilheiro: cinquenta reais
- goleiro menos vazado: cinquenta reais

O time da Engemar, de forma inédita, surpreendeu as equipes mais experientes e conquistou o título em 2015.

Fredson Ricardo - CREF 217/g-PI

18/09/2016

IV Copa Vereda de Futsal Feminino 2016 chega às semifinais

Copa Vereda 2016
A "IV Copa Vereda de Futsal Feminino", que iniciou no dia 02/09, na quadra poliesportiva da Cohab e está sendo realizada pela Associação dos Moradores do Conjunto Cohab, tendo como organizadora a desportista Dona Cleide, chega à sua fase semifinal.

A Copa Vereda iniciou com oito equipes, no sistema de todas contra todas, classificando-se as quatro primeiras para as semifinais.

Sexta, 23/09 - 19:00 horas: Primavera x Esporte Vitória

Sábado, 24/09
- 8:30 horas: B-11 x River

A grande final será também no sábado, 24/09, às 17 horas.

Veja abaixo as características das equipes:

- B-11: Campeã da III Copa Vereda na última semana de 2015 (leia a matéria --> B-11 é o campeão da III Copa Vereda 2015 ) Vice-campeã codoense em 2014, Campeão da Copa Olympus 2015, figura como grande favorita ao título. Tem um elenco com uma boa base codoense de ex-alunas-atletas do Colégio Olympus e outra base também de atletas que estudam em Caxias, Teresina e São Luís. Técnico: Betinho.

- Primavera: Equipe mais tradicional do futsal codoense, vice campeã codoense em 2015, sempre é candidata ao título. Técnico: Batista

- Esporte Vitória: Jovem equipe que nos dois anos anteriores não obteve bons resultados, porém em 2015 e 2016, com um processo de renovação, vem conseguindo excelentes resultados em jogos amistosos. Técnico: Paulo.

- River: Equipe muito bem treinada em 2014 pelo professor James, com o nome de Bayer, em 2015 mudou de nome e treinador e continua forte. Atual campeã codoense. (leia a matéria --> River é o campeão codoense 2015 ). Técnico: Lucas.

As edições anteriores da Copa Vereda tiveram os seguintes campeões:

- 2013
Campeã: Estouradonas Olympus (leia a matéria) --> campeã da Copa Vereda 2013
Vice: Tiradentes
3º lugar: Olympus

- 2014
Campeão: F10 Sports (leia a matéria) --> campeão da Copa Vereda 2014
Vice: MEC
3º lugar: Cruzeiro

- 2015
Campeão: B-11 (leia a matéria) --> campeão da Copa Vereda 2015
Vice: River 

Cada equipe paga uma taxa de arbitragem de 20 reais por jogo. A comissão organizadora premiará com troféu e 600 reais a equipe campeã, enquanto a vice receberá troféu e 400 reais.

Fredson Ricardo - CREF 217/g-PI