sábado, 16 de setembro de 2017

Atleta codoense conquista duas medalhas nos Jogos Escolares da Juventude 2017

Os Jogos Escolares da Juventude são o maior evento estudantil esportivo do Brasil. A competição de abrangência nacional reúne milhares de alunos-atletas de instituições de ensino públicas e privadas de todo o país. Atualmente, é tida como referência internacional. Consideradas as fases seletivas, os números chegam a mais de dois milhões de atletas e cerca de 4 mil cidades participantes.

Na edição de 12 a 14 anos são disputadas competições de atletismo, badminton, ciclismo, ginástica rítmica, judô, luta olímpica, natação, tênis de mesa, xadrez, basquete, futsal, handebol e vôlei. Além das competições, os jovens atletas tem a sua disposição uma ampla gama de eventos paralelos às competições. O programa sócio-educativo e cultural abrange diversas atividades extras com o intuito de aproximar os jovens de todo o país aos Valores Olímpicos e ao exemplo positivo da prática esportiva.

O Maranhão está sendo representado por alunos-atletas das diversas cidades, dentre elas, nossa querida Codó.
Técnico Arcelino Martins e os atletas do Colégio Batista de Codó em Curitiba
 A delegação maranhense está obtendo bons resultados, dentre os quais podemos destacar mais uma vez, o excelente trabalho de um dos Treinadores de Atletismo da Seleção Maranhense Infantil, Arcelino Martins.

Luís Ricardo (à esquerda): prata nos 250 m e bronze no revezamento
Arcelino teve neste mesma competição em 2016, uma medalha de prata conquistada por sua aluna-atleta Héllen Shayane. Já em 2017, o destaque foi seu pupilo, Luís Ricardo, que fez excelentes corridas e conquistou a medalha de prata nos 250 metros, bronze no revezamento 4x75 metros (juntamente com Brunno Cunha, de Codó, Arimagno da Silva, de São Luís, e Sóstenes Moyses, de Bacabal)  e quarto lugar nos 75 metros.

Luís Ricardo que estuda no Colégio Batista de Codó, vinha treinando e sendo frequentemente campeão nas provas infantis do atletismo e na equipe infantil de handebol, porém este ano resolveu deixar a modalidade coletiva para se dedicar exclusivamente ao atletismo, buscando assim melhores resultados no presente, objetivando uma profissionalização futura, para seguir dessa forma os passos do nosso campeoníssimo José Carlos Moreira, o "Codó".

Fredson Ricardo - CREF 217/g-PI

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Poste aqui seu comentário sobre a matéria acima.