30/11/2018

Sub 14 de futsal masculino da Escola Remy Archer viaja para disputar o maranhense

A equipe de futsal masculino sub 14 da Escola Modelo Municipal Remy Archer viajou hoje para São Luís, com o objetivo de representar Codó no Campeonato Maranhense de Futsal.
Delegação da equipe Escola Modelo Remy Archer embarcando para São Luís
 O Professor Edson Costa, que treina a equipe sub 16 (que participa da regional dos Cocais), também é o treinador da equipe sub 14 da Escola Modelo. Edson relatou as enormes dificuldades para conseguir levar seus garotos para disputarem o campeonato maranhense 2018 e aproveitou para agradecer o apoio da Superintendência de Esportes de Codó que cedeu o ginásio Carlos Fernando para que suas equipes pudessem treinar e se adaptar  às dimensões oficiais do futsal.

Professor Edson explicando sobre o alojamento para os pais
Segundo Edson, a equipe sub 14 pagou a inscrição de 300 reais, sendo metade paga pelos alunos-atletas e a outra metade pelo próprio treinador. Outro problema encontrado foi a falta de patrocinadores para o transporte e alimentação.

A solução encontrada foi fretar uma van da Soccó Turismo no valor de 1200 reais e encomendar umas quentinhas para a alimentação durante os dias de competição. Sendo que para isso, cada aluno pagou 160 reais e o Professor completou o que faltou.

A delegação codoense da Escola Modelo viajou hoje às 9 horas e mesmos cansados da viagem, jogaram sua primeira partida no final da tarde contra a equipe 2 de Julho, jogando bem o primeiro tempo, mas sem ritmo no segundo tempo acabou sendo goleada por 7x0.

Os jogos estão sendo no ginásio Costa Rodrigues, local também aonde a delegação codoense está alojada.

Os próximos jogos serão:


- sábado,01/12 às 09:40 horas: Escola Modelo x Estrelinha Bom de Bola
- domingo, 02/12 às 09:40 horas: Escola Modelo x Titans

O campeonato maranhense é realizado pela FEFUSMA (Federação de Futsal do Maranhão), em várias categorias, nos naipes masculino e feminino. Cada partida as equipes têm que pagar 50 reais cada, para taxa de arbitragem, valor este que o próprio Professor Edson está pagando para a equipe codoense poder participar da competição.

Abro um parêntese para parabenizar o Professor e seus alunos-atletas, pelo empenho e determinação em poder participar do campeonato maranhense de futsal, representando a Escola Modelo Municipal Remy Archer e nossa querida cidade, Codó.

Fredson Ricardo - CREF 3573/g-MA

27/11/2018

Regional dos Cocais do Campeonato Maranhense de Futsal 2018 foi realizada em Codó

Aconteceu no último final de semana, 24 e 25/11, no ginásio Carlos Fernando, em Codó, duas rodadas da Regional dos Cocais do Campeonato Maranhense de Futsal, na categoria sub 16 masculina.

Seleção de timon: venceu suas duas partidas e já está classificado para as oitavas de finais
Com três equipes codoenses: Ajax, Escola Modelo e Milênio, a expectativa ficava por conhecer a quarta equipe: seleção de Timon que com mais tradição nas competições estaduais figurava como favorita do grupo.

Antes de viajarem até Codó, o time de Timon teve uma reunião com os representantes da Secretaria de Esportes de Timon com a seguinte mensagem do seu secretário: "A Seleção Timonense de Futsal segue para Codó. Hoje (24) os nossos garotos estreiam no Campeonato Maranhense de Futsal Sub-16, competição de suma importância para todos eles que sonham em serem formados e revelados por meio do esporte. Às 20 horas, ja farão o primeiro jogo contra o Milênio e amanhã (25) enfrentarão às 10 horas, o time do Modelo, ambos de Codó. Que seja um momento de experiência, vivências, socialização e interação com outros jovens maranhenses. A prefeitura de Timon vai pagar todas as despesas da equipe timonense, desde o transporte, hospedagem e alimentação. Esse é um compromisso que temos de incentivar o esporte em todas as suas dimensões."

E o jogo entre Timon e Milênio Foi emocionante, tendo o time codoense aberto uma vantagem de 5x2, mas com queda no rendimento físico e com a boa utilização do banco de reservas de Timon que conseguiu uma linda virada de placar por 6x5. Antes enfrentaram-se Modelo e Ajax onde prevaleceu a melhor postura tática ofensiva e defensiva da Escola Modelo que venceu por 6x3.
Milênio: obteve uma vitória e uma derrota e segue com chances de passar para as oitavas de finais
No domingo (25), a Escola Modelo voltou à quadra para enfrentar a seleção de Timon. O jogo foi estudado e com bom nível tático, mas prevaleceu a maior experiência da equipe Timonense que venceu por 4x2. No jogo de fundo a equipe do Ajax perdeu mais uma vez, apostando na individualidade de seus atletas, foi goleada por 9x2 pelo Milênio, que aliou a boa tática da sua equipe ao bom preparo físico e técnica dos seus atletas.
Escola Modelo: com uma vitória e uma derrota vai tentar a vaga para as oitavas de finais contra o Milênio.
As equipes codoenses, que têm o apoio da Superintendência de Esportes, que cedeu o ginásio Carlos Fernando para treinos, preparam-se agora para disputarem a terceira rodada em Timon, nos dias 08 e 09 de dezembro, com a seguinte programação:

- 08/12: Escola Modelo x Milênio e Timon x Ajax
- 09/12: oitavas de finais, classificatória para a etapa estadual: 1º colocado x 2º colocado
Ajax: com duas derrotas, tentará surpreender Timon na última partida
Existe a possibilidade do jogo entre Modelo x Milênio ser disputado em Codó e apenas o vencedor viajar para Timon com a missão de disputar o jogo de oitavas de finais contra Timon que já está classificado.
Arbitragem FEFUSMA
Todos os jogos realizados em Codó tiveram a arbitragem da FEFUSMA, com árbitros de Codó e Santa Inês.

Em uma conversa informal com o Superintendente de Esportes de Codó, Júnior Goiabeira, sobre as equipes codoenses que pela primeira vez participam do campeonato maranhense sub 16, o mesmo relatou o seguinte: "Nós que fazemos a  Superintendência,  temos a consciência de que precisamos fazer mais pelo esporte codoense. Sabemos que estamos distantes de centros importantes no Maranhão, tais como: Imperatriz, Timom e Caxias . Essas ações precisam de urgências, para que daqui há 5 ou 10 anos, estejamos em condições iguais, sobretudo no que tanje à infra-estrutura. Nosso potencial humano é muito grande. Teremos uma conversa com nosso prefeito, que está marcada para Janeiro. Espero  ter nossas reivindicações atendidas e assim caminharmos rumo ao sonho. No mínimo dois ginásios com placar eletrônico, cadeiras, sistema de som, cabines de rádios e tv´s. Professores de Esporte nas escolas públicas com materiais e equipamentos para desenvolver seus trabalhos. Competições constantes  para nossas equipes educacionais e amadoras, dentro e fora de Codó. Implementar o dia municipal do Esporte Codoense. Passeio ciclístico noturno semanalmente e tantas outras coisas professor. Planejamento, vontade e coragem não nos falta."

Fredson Ricardo - CREF 3573/g-MA

24/11/2018

Jogos Escolares Codoenses Mirins 2018 lotam o ginásio Carlos Fernando

Jogos Mirins 2018: handebol masculino. Cristo Rei 2x1 Colégio Batista
Com o sucesso dos Jogos Escolares Codoenses Mirins 2017, a Superintendência de Esportes de Codó, coordenada por Junior Goiabeira, está realizando de 23 a 30 de novembro, os Jogos Escolares Codoenses 2018.

Nesta edição estão sendo disputada as modalidades: atletismo, futsal, handebol e voleibol, na categoria mirim (9 a 11 anos), nos naipes masculino e feminino, e futsal pré-mirim masculino (7 a 8 anos).

Desde ontem o ginásio Carlos Fernando tem suas arquibancanda lotada, or avós, tios, pais, irmãos e amigos da nova safra de alunos-atletas.

Segue abaixo a tabela com as datas e horários dos jogos.




Fredson Ricardo - CREF 3573/g-MA

2ª Copa Codó de futebol de base acontecerá em janeiro/2019

Santa Cruz: campeão sub 14 e sub 17 da I Copa Codó de futebol de base
Após o grande sucesso da Copa Codó de futebol de base 2016, acontecerá no período de 06 a 12 de janeiro de 2019,  na cidade de Codó-MA, localizada a 180 km de Teresina-PI e 280 km de São Luís-MA, a segunda edição da COPA CODO DE FUTEBOL BASE. A competição vai reunir os principais clubes do Maranhão e Piauí. Na última edição realizada a competição contou com a participação do Santa Cruz de Recife-PE, que foi campeão nas categorias sub-14 e sub 17. Em 2019 a competição amplia as categorias para: sub 11, sub 13, sub 15 e sub 17, com todos os jogos no estádio municipal Renê Bayma.

O objetivo da competição é promover um maior intercâmbio com as escolinhas e times maranhenses com os grandes clubes do futebol brasileiro e observadores técnicos convidados.

“Para chegar às competições nordestinas e nacionais o custo é muito alto, então resolvemos criar uma competição em que os grandes clubes do futebol brasileiros possam vir para nossa região, competir e também enviar observadores em busca dos nossos talentos de maneira mais eficiente e com menor custo para as escolinhas, que na maioria são formadas por crianças carentes” afirmou Rubison Muniz organizador da competição.




Magno Morais, coordenador de captação de atletas do Clube Atlético PR tem presença confirma na copinha

O evento tem a promoção da RM PROPAGANDA & MARKETING ESPORTIVO e conta com o apoio da Superintendência de Esportes, Secretaria de Educação e Prefeitura Municipal.

Mais informações e como fazer inscrição na Copa, basta entra em contato com a organização pelo TIM/WhatsApp (89) 99902-6362 via e-mail:

rm-propaganda@hotmail.com ou na pagina oficial da competição no facebook.com/copacodo

Fredson Ricardo - CREF 3573/g-MA

17/11/2018

Primavera e Mangueirinha são os campeões codoenses de futsal 2018

Na noite de ontem (16/11), no ginásio Carlos Fernando, aconteceram as finais do Campeonato Codoense Adulto Feminino e Masculino de Futsal 2018, organizado pela Comissão de Futsal de Codó (COMFUC).

No naipe feminino a COMFUC organizou a competição com cinco equipes, no sistema de pontos corridos na primeira fase, chegando até a final a equipe sub 16 do Colégio Olympus e a experiente e favorita Primavera. O jogo transcorreu com o Primavera dominando a primeira parte do primeiro e fazendo 1x0. A partir daí a jovem equipe do Olympus se encontrou em quadra e conseguiu organizar seu sistema defensivo, criando oportunidades de gol e empatando o jogo. Já no segundo tempo, apesar das grandes defesas da goleira Mariana, prevaleceu a experiência do Primavera que foi administrando o jogo e fazendo gols até vencer or 5x1.
Primavera: campeão codoense 2018

No naipe masculino a competição recebeu o nome de Copa COMFUC, pois teve dez equipes codoenses e duas coroataenses distribuidas em três grupos, e homenageou o ex jogador de futebol e futsal, Antonio Lisboa, o "Toinho". Na grande final enfrentaram-se Mangueirinha (Codó) e MEC (Coroatá). O jogo foi emocinante e com muita consciência tática defensiva e ofensiva das duas equipes, terminando o jogo empatado em 2x2 e com a vitória do Mangueirinha, nos pênaltys, com graande atuação do goleiro Tita. Desta forma o Mangueirinha tornou-se tricampeão: 2014, 2016 e 2018.
Mangueirinha: campeão da Copa COMFUC 2018

A COMFUC premiou as equipes campeãs e vices, masculinas e femininas, com troféus, medalhas e dinheiro.
Comissão organizadora do evento: COMFUC

As atenções do futsal codoense se voltam agora para a tradicional Copa Vereda Masculina e Feminina, que acontecerá ainda este mês, na quadra coberta da Cohab.

Fredson Ricardo - CREF 3573/g-MA

10/11/2018

Estudante do Colégio Olympus viajará para Natal-RN, para disputar os JEJ 2018

A estudante do ensino médio do Colégio Olympus-Yesi de Codó-àA, Érika Silva Lima, viajará amanhã (11/11), rumo a Natal-RN, com o objetivo de representar sua escola, seu município e estado nos Jogos Escolares da Juventude (JEJ), na modalidade ciclismo.

Érika Lima: aluna-atleta do ciclismo do Colégio Olympus de Codó

Érika que já participou em outras oportunidades dos JEJ, devido à completar 17 anos em 2018, fará sua ultima participação na competição, com o objetivo de melhorar suas marcas pessoais anteriores.

Em 2018, Érika dedicou-se mais à uma antiga paixão esportiva, o futsal, na qual jogando pela equipe infanto do Colégio Olympus, foi vice campeã dos Jogos Escolares Codoenses; Campeã da Regional dos Cocais dos JEM´s e vice campeã dos Jogos Escolares Maranhenses. Mesmo sem tempo para treinar o ciclismo, conquistou três medalhas de ouro nos Jogos Escolares Codoenses e duas medalhas de ouro e uma de prata nos Jogos Escolares Maranhenses, o que lhe deu o direito de participar dos JEJ e convocar seu técnico para viajar com ela e a delegação maranhense.

Érika e Professor Arcelino que a treinou até 2017
Érika concedeu uma breve entrevista, contando um pouco da sua história de aluna-atleta.

Como surgiu o ciclismo na sua vida?


Meu pai (Didi) foi um dos melhores ciclistas de Codó e quando eu fui estudar no Colégio Batista o professor Arcelino Martins decidiu me colocar no ciclismo, devido a história do meu pai na modalidade. Então resolveu apostar em mim e deu certo.

Quantos títulos e medalhas você conquistou no ciclismo?

Durante esses seis anos de ciclismo, fui pentacampeã de Codó e tricampeã do JEM´s. Conquistei 10 troféus e 18 medalhas de ouro, 6 de prata e 2 de bronze. 

Qual das suas conquistas você considera mais especial no ciclismo?

Minha participação em 2015, pelo fato de eu ter conquistado ouro no JEM´s pela primeira vez e de ter conseguido participar dos Jogos Escolares da Juventude.

Érika com o troféu de campeã dos JEM´s 2018
Quais anos você participou dos Jogos Escolares da Juventude?

Participei dos JEJ nos anos de 2015, 2017 e irei fazer a despedida agora em 2018.

Qual a sua expectativa  para a disputa dos seus últimos Jogos Escolares da Juventude? 

Tenho a expectativa de fazer um bom resultado e de  ter a emoção de participar mais uma vez dessa competição que considero muito especial.

Nos Jogos Escolares Maranhenses 2018 você conquistou duas medalhas de ouro e uma de prata no ciclismo, além de uma de prata no futsal. Como você conseguiu conciliar as duas modalidades esportivas com sucesso?

Este ano eu me dediquei mais ao futsal porquê em seis anos de JEM´s nunca tinha participado por uma modalidade coletiva, então me dediquei ao máximo ao futsal. No ciclismo não treinei nenhuma vez se quer, mas consegui fazer um bom resultado, que até eu duvidei que conseguiria!

Como foi sua trajetória no futsal?
Comecei a jogar futsal desde os meus 10 ano em 2011 de  lá para cá nunca parei. Este ano jogando pelo Colégio Olympus, consegui ser vice campeã dos Jogos Escolares Codoenses; Campeã da Regional dos Cocais dos JEM´s e vice campeã dos JEM´s. Atualmente jogo no F10 Sports aonde fui campeã adulta da Copa Codó de Futsal.

Érika com seu ex-time infanto do Colégio Olympus e com sua aatual equipe adulta F10 Sports (verde)

Érika e seu técnico aguardarão amanhã (11/11), meio dia, no KM-17, o ônibus que sairá às 08 horas, de São Luís, com a primeira parte da delegação maranhense que disputará os JEJ 2018: ciclismo, ginástica rítmica, natação, tênis de mesa e xadrez. Toda delegação ficará hospedada no Yak Beach Hotel Natal.

No dia 16/11, esta primeira parte da delegação maranhense retornará, enquanto chegarão as equipes de: atletismo, badminton, futsal e voleibol. No atletismo, Codó será representado por vários alunos-atletas, comandados pelo Professor Arcelino Martins.

Fredson Ricardo - CREF 3573/G-MA

09/11/2018

Codoense é eleito melhor do jogo no Sul Americano de Handebol Cadete Masculino

O pivô Philippe Rayuri Rodrigues da Silva foi eleito o melhor jogador da partida entre Brasil e Peru,  que aconteceu no início da noite desta quarta-feira (07) na cidade de Luján de Cuyo, província de Mendoza, na Argentina. O jogo foi válido pelo Campeonato Sul-Americano de Handebol Cadete Masculino, que será disputado até o dia 10 de novembro.


O jogo terminou com a vitória brasileira por 27 a 17. Foi o terceiro jogo do Brasil na competição, que já tinha vencido o time do Uruguai na estreia por 25 a 21, e a equipe do Paraguai por 29 a 24. 
A quarta partida do time brasileiro acontece nesta quinta-feira (08), às 18h30, contra a equipe do Chile.

É importante lembrar que o goleiro codoense Enzo Silva Duailibe também faz parte do time que está representando o Brasil. Os dois atletas são alunos do Colégio Batista de Codó.

Fonte: Blog do  Marcos Silva

03/11/2018

Torneio Beneficente Estevan Ângelo de Futsal foi um sucesso

Aconteceu nos dias 01, 02 e 03 de novembro, o Torneio Beneficente de Futsal na quadra coberta e poliesportiva da Escola Municipal Estevan Ângelo.
Organizadores do evento e os pais de Pietro e Pierry: Jhonny Brendon, Gessy Veras, Luana, Cícero e Edson Costa

O objetivo inicial do evento era de arrecadar fundos financeiros para o tratamento de PIERRY (filho do Professor de Educação Física, Cícero e da ex-atleta de futsal e anotara da FEFUSMA, Luana Priscila). O casal teve dois filhos gêmeos: Pietro e Pierry, sendo que o segundo apresentou Síndrome de Down e problemas cardíacos que fizeram com que os pais tivessem que arcar com muitas despesas para tentarem o tratamento em São Luís, conforme matéria postada no Blog do Acélio  Então os Professores Edson Costa, Jhonny Brendon e a diretora Gessy Veras resolveram fazer o Torneio, porém Pierry veio a falecer no dia do congresso técnico. No entanto, todos concordaram em realizar o evento em prol dos pais e do irmão de Pierry.

E o evento foi um sucesso, transcorrendo em um clima de solidariedade, mesmo com as equipes aproveitando a competição como preparação para grandes campeonatos.

29 equipes contribuíram com o valor de inscrição de 30 reais, distribuídas em quatro categorias: sub 11, sub 13 e sub 16 masculinas e adulta feminina. Sendo 51 jogos gratuitamente arbitrados por Professores e árbitros da FEFUSMA Codó. Os 870 reais arrecadados foram repassados à Luana e Cícero que utilizarão o valor em baterias de exames e consultas com Pietro para que o mesmo possa crescer forte e saudável.

Os campeões e vices receberam troféus, gentilmente cedidos pelo Superintendente de Esportes, Goiabeira Junior.

A Escola Estevan Ângelo esteve lotada durante estes três dias, por alunos-atletas, pais, amigos e Professores. Todos competindo, mas sempre em clima de solidariedade.

Após os 51 jogos, os campeões e vices de cada categoria foram:

SUB 11 MASCULINO
Estevan Ângelo: campeão sub 11

- campeão: Estevan Ângelo
- vice: Colégio Olympus

SUB 13 MASCULINO
João Ribeiro: campeão sub 13

- campeão:  João Ribeiro
- vice: Bom Samaritano

SUB 16 MASCULINO
Ajax: campeão sub 16

- campeão: Ajax
- vice: La Fúria

ADULTA FEMININA
Fênix: campeão adulto

- campeão: Fênix
- vice: Sarmininas F.C

O casal Cícero e Luana também participou do evento. Ele na arbitragem e ela como anotadora.
Luana e Cícero ao lado das premiações cedidas pela Superintendência de Esortes de Codó

Fredson Ricardo - CREF 3573/G-MA

Alunos do Colégio Batista de Codó viajam neste domingo para competição na Argentina

Alunos do Colégio Batista de Codó fazem história no ano de 2018 na modalidade handebol. Após chegarem em duas finais no Jogos Escolares Maranhenses (JEM´s), nas etapas infantil e infanto.

Hoje o aluno atleta Lael Feitosa  está participando do Acampamento Nacional Infantil de Handebol em São Paulo. O Colégio Batista recebeu mais uma convocação para o acampamento nacional cadete, na qual o aluno Enzo Duailibe (goleiro) do time de Handebol do Colégio Batista/GHC foi também convocado.

Enzo Duailibe e Rayuri Rodrigues
Nesta semana, os alunos Enzo Silva Duailibe e Rayuri Rodrigues da Silva da referida escola e clube, estarão indo disputar o Sul-Americano Cadete Masculino de Handebol 2018, que estará acontecendo na cidade de Lujan de Cuyo, Província Mendoza, na Argentina. Os mesmos se integrarão à equipe GHC-PI, clube que irão representar, embarcando para Argentina domingo dia 04/11/2018.

"É motivo de muita alegria pela convocação e louvor a Deus  por tudo que o Senhor tem feito por nós que fazemos parte dessa família. De já o Colégio Batista agradece a todos e principalmente a Deus por tantas conquistas, informamos que estamos de portas abertas para a contruçao de novos alunos e talentos através de nossas matrículas que já estão abertas". Destacou o Professor de Educação Física e Treinador de Handebol, Genilson Freitas.

Fredson Ricardo - CREF 3573/G-MA