quarta-feira, 6 de setembro de 2017

Hollanda/GHC/Codó/Maranhão conquista a prata no primeiro turno da Conferência Nordeste da Liga Nacional Masculina de Handebol

Hollanda/GHC/Codó em ação em Maceió
Após o 5º lugar na Liga Nacional de Handebol 2016, a euipe codoense de handebol masculino, Hollanda/GHC/Codó, comandada pelo ex-atleta e desportista Márcio Esmero, fez uma bela campanha no primeiro turno da Conferência Nordeste.

O primeiro turno da Conferência Nordeste da Liga Nacional Masculina de Handebol terminou neste domingo (3). As partidas foram realizadas em três cidades: Maceió (AL), no Ginásio do SESI Trapíche, Natal (RN), no Ginásio da UFRN, e Morada Nova (CE), no Ginásio de Esportes Dr. Jorge Luiz Chagas Maia.

Em Maceió (AL), pelo grupo A, o América Handebol Clube (AL) venceu o Português/Aeso (PE) por 26 a 25 e está na primeira colocação da chave, seguido por Português e Banese/Fênix (SE).

Já em Natal (RN), na chave B, o Handebol Alvinegro/ABC FC/Sport Club (RN) bateu o Handebol Maracanã (CE) por 29 a 18, e o Viva Handebol (PB) derrotou o BHC (RN) por 35 a 32. Desta forma, o Handebol Alvinegro lidera, seguido por Handebol Maracanã, Viva Handebol e BHC.

Márcio Esmero: técnico do Hollanda/GHC/Codó
Enquanto, em Morada Nova (CE), o Hollanda/GHC/Codó/Maranhão (MA) levou a melhor contra o AMH/Morada Nova (CE) por 38 a 30, e o Moto Club/São Luiz (MA) venceu o Audax (MA) por 34 a 33. O grupo C tem o Moto Club na liderança, com o Hollanda em segundo, o AMH aparece em terceiro, e o Audax fecha a classificação em quarto.

Agora, com o fim do primeiro turno da fase classificatória, as equipes voltam a se encontrar no segundo turno. Na sequência, os primeiros colocados de cada chave e o melhor segundo colocado no geral avançam às semifinais, sendo que as finalistas garantem as duas vagas da Conferência Nordeste na segunda fase da Liga Nacional e se juntam a quatro equipes da Conferência Sul-Sudeste, duas da Norte e duas da Centro-Oeste.

1º turno da Conferência Nordeste / Liga Nacional Masculina

Chave A: Português/Aeso (PE); América Handebol Clube (AL); Banese/Fênix (SE).
Chave B: Handebol Maracanã (CE); Handebol Alvinegro/ABC FC/Sport Club (RN); BHC (RN); Viva Handebol (PB).
Chave C: Hollanda/GHC/Codó/Maranhão (MA); Audax (MA); AMH/Morada Nova (CE); Moto Club/São Luiz (MA).

TABELA

1º de setembro
América Handebol Clube (AL) 31 x 23 Banese/Fênix (SE)
Hollanda/GHC/Codó/Maranhão (MA) 27 x 28 Moto Club/São Luiz (MA)
Handebol Maracanã (CE) 41 x 34 Viva Handebol (PB)
AMH/Morada Nova (CE) 30 x 24 Audax (MA)
Handebol Alvinegro/ABC FC/Sport Club (RN) 34 x 15 BHC (RN)

2 de setembro
Português/Aeso (PE) 44 x 22 Banese/Fênix (SE)
Hollanda/GHC/Codó/Maranhão (MA) 34 x 25 Audax (MA)
Handebol Maracanã (CE) 35 x 19 BHC (RN)
AMH/Morada Nova (CE) 25 x 38 Moto Club/São Luiz (MA)
Handebol Alvinegro/ABC FC/Sport Club (RN) 33 x 26 Viva Handebol (PB)

3 de setembro
BHC (RN) 32 x 35 Viva Handebol (PB)
América Handebol Clube (AL) 26 x 25 Português/Aeso (PE)
Audax (MA) 33 x 34 Moto Club/São Luiz (MA)
Handebol Alvinegro/ABC FC/Sport Club (RN) 29 x 18 Handebol Maracanã (CE)
AMH/Morada Nova (CE) 30 x 38 Hollanda/GHC/Codó/Maranhão (MA)

Fonte: codonoticias.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Poste aqui seu comentário sobre a matéria acima.