18/11/2019

Handebol do Colégio Batista vence a terceira partida e avança para as semifinais dos JEJ em Blumenau-SC

Após conquistar em 2019, os Jogos Escolares Codoenses, os Jogos Escolares Regionais dos Cocais e os Jogos Escolares Maranhenses, a equipe de handebol infantil masculino do Colégio Batista de Codó, comandada pelo Professor Genilson Freitas, estreou ontem em Blumenau-SC, nos Jogos Escolares da Juventude, vencendo a equipe amazonense da Escola Agenor Smith por 22x18.
Handebol infantil masculino do Colégio Batista

Já na manhã de hoje, 18/11, a equipe codoense venceu na prorrogação por 23x22 a forte equipe da Escola Professora Dóris Mendes Trindade (MS), em um jogo emocionante.

Após o almoço os garotos do  Colégio Batista retornaram às 16 horas para o ginásio do SESI, aonde enfrentaram a boa equipe do Colégio Castro Alves (ES) e em mais um jogo disputado gol a gol, venceram por 10x9 e conseguiram passar para as semifinais como primeiro lugar do grupo.

A equipe codoense disputarà a vaga à final dos JEJ, amanhã (19/11) às 16:30 horas contra a equipe local da Escola Bom Jesus que jogará com todo o apoio da sua torcida.
Segundo o Professor Genilson, a equipe codoense treinou muito, e mesmo sendo a primeira fez que Codó e o Colégio Batista conseguem tal feito, a equipe viajou com o intuito de fazer o seu melhor para poder representar sua escola, seu município e o estado do Maranhão da melhor forma possível, mesmo sabendo que não será fácil, pois em Blumenau estão as melhores equipes do Brasil.

Os jogos podem ser assistido ao vivo pelo facebook dos Jogos Escolares da Juventude, no link: Veja os Jogos de Handebol dos JEJ neste canal.

Os Jogos Escolares da Juventude são realizados pelo Comitê Olímpico Brasileiro. No handebol cada estado pode inscrever uma instituição de ensino, com delegação formada entre 10 e 11 alunos, e um técnico por gênero. Os jogos têm duração de 50 minutos, divididos em dois tempos de 25 minutos, com 10 minutos de intervalo. Os jogos não podem terminar empatados. Caso no tempo normal isso ocorra, há prorrogação de dois tempos de cinco minutos. Persistindo o empate, uma primeira rodada de três cobranças de sete metros é realizada. Se não desempatar, haverá uma segunda rodada de três cobranças de sete metros, mas com outros atletas. Se ainda assim o placar continuar igual, serão adotadas cobranças alternadas.
Nas disputas de 12 a 14 anos (infantil), os jogos duram menos: 40 minutos, divididos em dois tempos de 20.

Fredson Ricardo - CREF 3573/g-MA

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Poste aqui seu comentário sobre a matéria acima.