domingo, 8 de dezembro de 2013

Codoenses são campeões brasileiros de seleções Brasil Olímpico de handebol

Genilson (esquerda) e Fabrício
Os codoenses Genilson Freitas e Fabrício Farias estiveram em Anápolis (GO), no período de 02 a 06 de dezembro, onde disputaram e venceram o campeonato Brasileiro de Seleções Brasil Olímpico de Handebol Juvenil Masculino, representando a equipe do Piauí. Evento organizado e patrocinado pela Confederação Brasileira de Handebol (CBHb).

Genilson Freitas é professor de educação física e treinador de handebol do Colégio Batista de Codó. Através do seu trabalho e dos bons resultados obtidos em Codó e em São Luís, com suas equipes escolares do Colégio Batista e adulta do GHC, faz parceria e intercâmbio com o professor Giuliano Ramos, de Teresina-PI, e este ano recebeu o convite do mesmo para ser auxilar técnico da seleção piauiense nesta competição.

Fabrício Farias, goleiro, é atleta do GHC e ex atleta escolar do Colégio Batista de Codó. Através dos bons resultados obtidos em jogos escolares codoenses e maranhenses, começou a integrar a equipe piauiense do professor Giuliano e conseguiu fazer parte do acampamento da seleção brasileira de handebol em 2012. Este ano novamente foi convocado para treinar com a seleção brasileira em Blumenau - SC e aguarda apenas um patrocinador pagar as passagens para confirmar presença.

A equipe do Piauí conquistou o título do Campeonato Brasileiro de Seleções Brasil Olímpico Masculino de Handebol, que foi finalizado na sexta-feira (6), em Anápolis (GO). Já o Goiás ficou com a medalha de prata e Minas Gerais com o bronze. Pelo feminino, Minas Gerais levantou a taça, na quarta-feira (4). A competição, que foi disputada em sistema de pontos corridos, foi para atletas de 16 e 17 anos.

Na última rodada do masculino, na sexta-feira (6), o Tocantins venceu o Distrito Federal, por 34 a 29 (16 a 16 no primeiro tempo). Já o campeão Piauí passou pelo Bahia, por 37 a 29 (14 a 10), enquanto o Goiás por Minas Gerais, por 30 a 24 (18 a 11). O artilheiro da competição foi Euzébio da Silva, do Piauí, com 57 gols.

Foto: Randes Nunes - Piauí - Campeão
Classificação final masculina
1º lugar: Piauí
2º lugar: Goiás
3º lugar: Minas Gerais
4º lugar: Tocantins
5º lugar: Distrito Federal
6º lugar: Bahia

Classificação final feminina
1º lugar: Minas Gerais
2º lugar: Goiás
3º lugar: Tocantins

Vejam os resultados.

Segunda-feira (2)
Piauí 33 x 28 Distrito Federal (masculino)
Minas Gerais 29 x 19 Tocantins (masculino)
Minas Gerais 35 x 14 Tocantins (feminino)
Goiás 37 x 7 Bahia (masculino)

Terça-feira (3)
Minas Gerais 19 x 37 Piauí (masculino)
Bahia 19 x 36 Distrito Federal (masculino)
Goiás 32 x 25 Tocantins (feminino)
Goiás 33 x 27 Tocantins (masculino)

Quarta-feira (4)
Bahia 18 x 36 Minas Gerais (masculino)
Tocantins 22 x 36 Piauí (masculino)
Goiás 14 x 37 Minas Gerais (feminino)
Goiás 38 x 30 Distrito Federal (masculino)

Quinta-feira (5)
Tocantins 38 x 19 Bahia (masculino)
Distrito Federal 19 x 25 Minas Gerais (masculino)
Goiás 24 x 31 Piauí (masculino)

Sexta-feira (6)
Distrito Federal 29 x 34 Tocantins (masculino)
Piauí 37 x 29 Bahia (masculino)
Goiás 30 x 24 Minas Gerais (masculino)

Fredson Ricardo - CREF 217/g-PI
Fonte: CBHb

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Poste aqui seu comentário sobre a matéria acima.