domingo, 10 de novembro de 2013

Após 11 anos, treinador deixa o comando do futsal masculino do atual campeão Olympus

Fredson (10) campeão pelo Olympus como atleta em 2007
Venho utilizar este blog para oficializar minha saída do comando do futsal adulto masculino do Olympus. Foram 11 anos de muitas alegrias, parcerias, união, respeito e principalmente vitórias.

Tudo começou com a inauguração do Colégio Olympus em 2001, aonde recém formado em Educação Física iniciei o trabalho como professor e treinador. A convite do meu amigo e colega de trabalho Betinho, fizemos um time de futsal de funcionários e começamos a jogar alguns amistosos na quadra da escola e posteriormente a disputar pequenos torneios. A partir desse momento, comecei a acumular as funções de capitão e treinador da equipe.

Como capitão pude juntamente com meus colegas, ser campeão codoense em 2007 (marcando 3 gols na final) e vice em 2003, 2006 e 2008 quando já acumulava duas cirurgias nos joelhos (condromalácia patelar grau III). Em 2009 rompi o Ligamento Cruzado Anterior do joelho esquerdo e tive que passar por mais uma cirurgia com a esperança de poder voltar a jogar um ano depois, fato que por indicação do meu ortopedista não foi possível.

Fredson sendo campeão codoense pelo Olympus como técnico em 2012
Continuei exercendo minha profissão de professor de educação física e treinando o futsal feminino. Já na equipe adulto masculina do Olympus fiquei apenas como treinador. Foi difícil ver meus colegas jogarem e não poder ajudá-los dentro de quadra, no entanto procurei fazer o melhor possível fora dela, treinando e orientando meus ex-colegas atletas. E após um título e um vice na Copa São Francisco (2º maior campeonato de futsal de Codó), conseguimos o bicampeonato codoense em 2012.

Após sermos campeões codoenses em 2012, reuni-me com Betinho (fundador da equipe) e com Anderson (treinador das equipes masculinas do Olympus: mirim, infantil e infanto) e comuniquei-os que não treinaria mais a equipe adulta masculina, para poder dedicar mais atenção as equipes femininas (mirim, infantil e infanto) e as minhas filhas que já estão com 06 e 11 anos. A partir desse momento, Anderson Serra passou a acumular as funções de atleta e técnico da equipe que estreará dia 15 pelo campeonato codoense 2013.

Vai ser difícil não está mais sentindo aquela adrenalina das partidas de dentro da quadra com a equipe adulta masculina do Olympus, mas ficarei sempre na torcida para que os bons resultados, a união e o respeito entre os atletas permaneçam.

Fredson Ricardo - CREF 217/g-PI

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Poste aqui seu comentário sobre a matéria acima.